O objeto no museu: verdade ou mentira?

São salas cheios de peças percorridas por multidões, são corredores que se atravessam num olhar distraído, são visitantes que passam seguindo um roteiro diletante onde pontuam as obras que a instrumentalização da cultura definiu como obrigatórias… Referia, aqui, que os grandes museus se tornaram pontos de consumo turístico, onde se perdeu o gosto da contemplação. Onde é difícil ver e descobrir para lá do lugar comum.

Banksy no British Museum
2005
Foto: Banksy website

Continuar a ler