Os mármores do Pártenon: questões patrimoniais e museológicas

Pártenon

Em meados do século V a.C., Péricles decidiu a construção de um templo consagrado a Palas Atena, na Rocha Sagrada, designação atribuída à colina da Acrópole, em substituição do já existente e que havia sido danificado durante a invasão persa em 480 a.C.. O templo, de ordem dórica, octostilo1 e períptero2, integra uma dupla cela com pronaos e opistódomo com prostilo de seis colunas. Os arquitetos Iktinos e Kallikrates são reconhecidos como autores do projeto, cuja decoração escultórica é atribuída a Fídias e aos seus discípulos Agorakritos, Alkamenes e a outros escultores e pintores cujo nome se perdeu. Fídias foi o autor da estátua colossal criselefantina3 da deusa Atena Parténos (ou Atena virgem) no interior da cela.

Pártenon de Atenas Gravura de William Miller, a partir de desenho de H. W. Williams In Williams, H. W. (1829). Greece with classical illustrations. London: Longman Rees Orme Brown and Green; and Adam Black.

Pártenon de Atenas
Gravura de William Miller, a partir de desenho de H. W. Williams
In Williams, H. W. (1829). Greece with classical illustrations. London: Longman Rees Orme Brown and Green; and Adam Black.

Legenda: a - frontão b - sequência de métopas  c - friso d - estátua da deusa

Legenda:
a – frontão
b – sequência de métopas
c – friso
d – estátua da deusa

Continuar a ler

  1. Com oito colunas nas fachadas menores. []
  2. Com o perímetro integralmente definido por colunas alinhadas, criando um peristilo exterior. []
  3. Estátua inteiramente revestida a ouro, à exceção das zonas de carnação em marfim. []

Curadoria à venda: uma polémica na gestão patrimonial

Questões relacionadas com a gestão e o financiamento dos museus raramente geram consensos. Antes, suscitam discussões marginais em torno do acesso à cultura e ao património, das políticas de mercantilização, da submissão à pressão do mercado turístico e aos padrões da cultura de massa.

Nourishing the soul The Art Museum of WVU Foto: Raymond Thompson Jr.

Nourishing the soul
The Art Museum of WVU
Foto: Raymond Thompson Jr.

O debate, entre nós, tem sido fragmentado em torno de situações específicas. A propósito do plano estratégico cultural para a zona de Belém, houve uma discussão acesa nas redes sociais em torno do modelo de gestão da Monte da Lua, em Sintra (Vd. A quem pertence o nosso património?). Também a ampliação do Museu do Chiado e a abertura do novo Museu dos Coches suscitaram uma ampla discussão que se estendeu à praça pública. Da mesma forma, se hoje parece não haver dúvidas em relação à eficácia do crowdfunding lançado pelo Museu Nacional de Arte Antiga para a compra da pintura “A Adoração dos Magos”, de Domingos Sequeira, mas as dúvidas acerca do procedimento foram uma constante ao longo de todo o processo.

Continuar a ler

O homem que queria autofotografar-se com uma estátua

O episódio foi rápido e conta-se de forma igualmente breve: um indivíduo de 24 anos tentou subir à peanha de suporte à escultura do rei D. Sebastião, na entrada da estação do Rossio, a pedra não aguentou o peso e a estátua caiu desfeita no chão. O indivíduo não sofreu quaisquer lesões, mas quis o acaso que estivessem no local dois agentes da PSP que registaram o ato e identificaram o autor, que irá ser processado pela Infraestruturas de Portugal (IP), a empresa que gere o património da estação e pretende ser ressarcida das despesas relacionadas com o restauro, e provavelmente, pelo Ministério Público dado que o edifício está classificado como património nacional.

Entrada da estação do Rossio depois da queda da estátua de D. Sebastião Foto: Rádio Renascença

Entrada da estação do Rossio depois da queda da estátua de D. Sebastião
Foto: Rádio Renascença

Continuar a ler